terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Lãs, tecidos e aviamentos: as melhores lembranças de uma viagem


O que você traz para casa na bagagem quando volta de uma viagem de férias? Conheço gente que traz temperos, vinhos, sapatos e por aí vai. Minha mala pesa pra valer com as sacolas de tecidos e aviamentos que eu sempre dou um jeitinho de comprar. A-do-ro garimpar em lojas pelo mundo a fora. Seja na minha Buritis, New York ou em Paris! Quando organizo uma viagem já mando um google à procura de locais onde encontrarei lojas. Sempre arremato ótimos achados. 

A novidade das minhas férias, quando estive em São Paulo para visitar a família, foi o novo amor pelas lãs. Alegria, alegria, marquei uma tarde de tricô com a Francine Lacerda, professora de costura que super indico, e a Graziella Moretto, do site Garota Prendada. Foi curioso bater papo com a Graziella um dia depois de vê-la acompanhada do marido, Pedro Cardoso (como não dizer: o  inesquecível intérprete do personagem Agostinho Carrara, da Grande Família) brilharem no teatro com a peça O Homem Primitivo. O texto escrito pelo casal rende muito assunto... Eles debatem ironicamente o poder do patriarcado imposto pela sociedade, que sempre limitou a participação das mulheres na vida cultural, profissional e política. Bingo! Acertaram! Essa foi a pauta do ano _pelo menos aqui nos Estados Unidos, onde eu moro_ depois da disputa Hillary e Trump.


O encontro foi na Novelaria, em Pinheiros. A conversa seguiu animada, o chá estava bem gostoso e quando a loja estava praticamente fechando resolvemos parar a conversa para dar uma olhada nas mercadorias. 

Eu ainda tenho muita dificuldade para encontrar lãs. Fico confusa com a variedade, a grossura dos fios e preciso de ajuda para selecionar o material adequado para cada projeto. A Francine me indicou esse fio uruguaio, da Malabrigo. Assim que bati o olho na cor, amei. 


O tom de amarelo me fez refletir sobre o que encontraria quando voltasse para casa: meu primeiro outono como moradora de DC. E eu estava certa: Washington ficou mais linda do que nunca.




As agulhas (de plastico para evitar  problemas no aeroporto) e a bela la me acompanharam no voo do Brasil para os Estados Unidos. Foi tao bom voltar pra casa tricotando minha golinha, relembrando as ferias e pensando no futuro!

Tai! Projeto facil, rapido e que ja foi incorporado no meu guarda handmade!!




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ei, estou curiosa para saber o que você achou. É só escrever aqui, clicar duas vezes, e postar... Vamos alinhavar este papo?