sábado, 25 de fevereiro de 2012

Parabéns, Cigarra!!


Hoje acordei com a ótima notícia que a querida Andréa Cordeiro venceu o concurso "Minha Singer, Minha História"que celebrou os 160 anos da chegada da Singer ao Brasil. Para participar era preciso enviar uma foto e/ou um texto. A Deia emocionou o júri ao falar da família, da demissão em 2010 e dos trabalhos na máquina. Lindo! Valeu, Cigarra....

E o projeto das bonecas, criado por ela, continua! As bonecas que já chegaram serão entregues, mas ainda dá tempo de participar da "missão páscoa". Minha bonequinha só ficou pronta agora e deverá ser entregue nessa próxima remessa.  

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Smash, minha brincadeira de carnaval


E aí? Como vocês estão aproveitando o carnaval? Eu estou curtindo a família e fazendo scrap! Enfim consegui comprar dois cadernos Smash, tirei a tralha das gavetas, lotei a mesa de fotos, papéis e mãos à obra! Desde setembro do ano passado, quando assisti a este vídeo (aumenta o som e curte comigo), fiquei super interessada no produto. Valeu a espera... 





Olha só assim entendi por que o Smash está fazendo tanto sucesso entre as scrappers! O negócio é mesmo divertido e terapêutico! Existem seis versões: o preto, o vermelho, o rosa, o verde, o laranja e o turquesa. Cada um tem um tema: romântico, eco, internacional...Dentro, muitas páginas coloridas. Todas elas com estampas bem modernas.

A ideia é dedicar cada caderno a um assunto. Na página oficial há uma série de ideias. No meu primeiro Smash pretendo fazer um resumo da minha vida para deixar como recordação para meus filhos Lucas e Alice.  Quero que, assim, eles me conheçam um pouco mais e me compreendam quando crescerem.




quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Fantasia de carnaval feita em casa é mais divertida


Não sou muito animada para carnaval, não. Mas, o pedido do Lucas para a mamãe inventar uma fantasia não poderia deixar de ser atendido. Para isso, fizemos um mutirão aqui em casa. Eu, minha mãe e minha tia Mariana passamos uma manhã muito divertida planejando o molde, escolhendo tecido, aviamentos e, vez ou outra, provando as costuras no modelo mais lindo do mundo!!!

Entre erros e acertos, a fantasia de "monstro aranha" saiu da máquina e foi para o bailinho. E vocês? Gostaram do visual do meu folião?



Pat e Eli, as meninas do Rainhas da Costura, também costuraram fantasias bem legais. Recomendo a visita!!!

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Paredes mais felizes!

Em 2012 quero me libertar desse medo bobo de furar e bater pregos nas paredes da minha casa. É sério, gente! Fico morrendo de dó... Daí as paredes ficam branquinhas, intactas, e os quadros guardados dentro de armários. Não faz o menor sentido, não é?!

Aos poucos vou colorindo a casa. Belezuras não faltam! Como esse bastidor que a Ruby me deu, quando veio visitar a Alice.


O bastidor foi envolto com algodão em xadrez vichy (minha estampa favorita sempre!) e bordado. Para completar, botões que formam flores. Uma delicadeza só....


O bastidor parar ao lado do alce (molde tirado do livro Tilda!) também costurado no maior capricho pela Ruby em um dia de farra aqui em casa. E assim o quarto da Alice ganhou um ar Meu Canto, Minha Prosa, do qual tanto sou fã.


quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Pode suspirar? Baby quilt de corações


Um quilt exige um planejamento imenso: a escolha do projeto, a mistura dos tecidos, a montagem dos blocos, o caseado em volta das aplicações, o quiltado para juntar forro com topo e, enfim, a trabalheira que dá para costurar a mão o viés. Quem já se aventurou a fazer uma peça dessa, sabe do que estou falando.


E quando você ganha um patch desse de presente? Não é de suspirar e dar 3 pulinhos? Fiquei bem emocionada quando recebi essa colcha de presente. O mais legal é que ela foi feita em família _ três gerações: mãe, filha e neta. Há algo mais poético? O trio do Quilts São Eternos me surpreende sempre!


Minha bebê _a verdadeira dona do presente_ adorou! Helena e Cecília defendem que essas peças têm sim que serem usadas para ganhar vida e história e é isso que nós estamos fazendo. Nada de gaveta!


Ok, você deve estar se perguntando o que essa menininha está fazendo na foto. Eu explico: a habilidade para trabalhos manuais, se houver incentivo, pode começar cedo. A Helô tem só 9 anos e é a responsável pela etiqueta bordada no verso da manta. Olha só que coisa mais fina, receber um presente com as iniciais da dona! Certamente Alice Basile vai guardar esse carinho para sempre.

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Tudo pronto para a volta às aulas


Dos meus tempos de criança pra cá muita coisa mudou, mas a emoção do primeiro dia de aula ainda é a mesma! Por um lado, cadernos novos, lápis apontados, borracha ainda branquinha e cadernos cheios de páginas em branco. Por outro, a insegurança de entrar numa sala diferente, mudar de professora e conhecer colegas. 

Essa semana acompanhamos aqui em casa a chegada do filhote mais velho ao primeiro ano do ensino fundamental. Agora acabou aquela fase de ir para a escola brincar. A coisa ficou séria! E ele _sempre otimista!_ curtiu bastante a troca de prédio, a sala de aula mais cheia e a ausência dos murais com bichinhos decorando as paredes.

Para entrar no clima, incentivei que ele mesmo escrevesse todas etiquetas que vão identificar livros e cadernos, afinal agora ele já é um "menino grande". A longa produção foi super divertida e vocês precisavam ver a cara de satisfação do garoto ao levar o material! Valeu ter dispensado o computador e a impressora...