sábado, 4 de dezembro de 2010

A Estante Perfeita

                           

Desde que me entendo por gente, eu amo livros! Tenho lembranças do livreiro ambulante bater a campainha da minha casa com aquelas caixas imensas. Meus pais sempre o recebiam e me presenteavam. Eram livros para crianças, de capa dura, com figuras holográficas ou em alto relevo. Lia e relia muuuitas vezes e não enjoava nunca.

Tenho saudades também de esperar, ansiosa, o carteiro chegar com meu pacote de assinante de gibis da Turma da Mônica. Era uma felicidade instantânea e, num flash, eu devorava as revistinhas. E o "Nosso Amiguinho"? Alguém lembra?

Ao longo da vida fui acumulando milhares de livros. Foram romances, best sellers, livros de jornalismo, teoria da literatura, poesia... Depois eles se uniram aos livros de cinema, música, (mais) jornalismo do meu marido. Aliás, o casamento das bibliotecas foi algo significativo para nós dois! Hoje temos mais um leitor em casa: o Lucas! Na altura dos seus 4 anos, ele já junta seus próprios gibis e edições de contos de fadas, histórias do folclore e de dinossauros.

Bem, esse "nariz de cera" todo é só para contar pra vocês que minha atual paixão são os livros de costura, bordado e moldes. Eles foram chegando aos poucos e, com o tempo, tiveram que ganhar uma estante só para eles. E não poderia ser qualquer uma. Demorei até encontrar a estante perfeita. E aqui está ela!!! Além de branca, clean e fofa, me faz recordar minha infância. É que quando eu tinha uns 4, 5 anos era numa estante muito parecida com essa que ficavam guardadas minhas amadas bonecas. Livros, para mim, são brinquedos.

Detalhes da minha estante perfeita....

Ela tem até janela. Não é incrível?

Além de livros, guardo aqui recordações especiais. Recebi esse bilhete de uma pessoa que estranhei muito quando conheci e hoje mora dentro do meu coração! Demonstrações de carinho nos ajudam a encarar as dificuldades da vida com mais suavidade. Ma, I´ll love you forever!!


A máquina de costura é da época que não existia nem pedal! Para fazer a agulha andar é preciso girar a manivela. Acredita? Não tenho a menor idéia de que século é isso! Alguém sabe dizer? Arrematei esse tesouro com a minha talentosa amiga Mabel.

10 comentários:

  1. Eu amo essa menina, a "estante e a dona dela"!

    ResponderExcluir
  2. Ai, gente! Mas é perfeita mesmo!!! =) Coisa linda, Vivi! Me diga onde foi que a encontrou!

    E quantos livros lindos de costura, os passarinhos tbm!

    Um beijo e ótimo fds, querida!

    ResponderExcluir
  3. Acho essa estante linda, Vivi! E o conteúdo então, nem se fala.
    Beijos mil,
    Helena

    ResponderExcluir
  4. Que coisa mais cute! Uma casa perfeita pras blythes! Preciso!!!!!!!!!!!!!!!!!!!rsrs Tricia

    ResponderExcluir
  5. vivi, que saudade! que estante mais mimosa... tudo clean, e super organizado! adorei ver produtos lugastal nela!
    beijão!

    ResponderExcluir
  6. Que organização amiga, estou gostando de ver!!!
    A estante é linda e ficou a sua cara....
    Depois quero vê-la pessoalmente!!!
    Muitas saudades. Nem parece que moramos na mesma cidade.

    Beijossss
    Mari

    ResponderExcluir
  7. Linda!

    meravigliosa questa libreria! da sogno :)
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi, meninas! Obrigada pela visita... Comprei essa estante da sogno (como disse minha leitora italiana Anna) em uma loja daqui de Brasília, chamada In Casa (longe, né Ma?).

    A vendedora explicou que era uma casa de bonecas (viu, Tricia e Déia Cigarra?), mas logo pensei que seria uma perfeita casa de costura. Mais um espacinho para tentar minha manter minha bagunça (né, Mari?) sob controle.

    Nela guardo meus amados livros (Helena me entende) e crafts queridos (alguns by Lu Gastal). Falta aproveitar mais prateleiras para guardar os presentes lindos (CasaPomar) que não paro de ganhar das amigas do blog e da vida (tá, Morg´s).

    ResponderExcluir
  9. Ei Viviane,que bacana conhecer seu blog.
    Tudo por aqui é tão fofo e lindo, simplismente adorei. Essa maquína de costura eu não sei de qual seculo é...mas acontece que herdei uma de minha Vó, em perfeito estado e ainda costura.
    É o meu xodó. Ainda não sei costurar,mas qdo aprender vou me arriscar fazer umas costurinhas nela.
    Abraço carinhoso.
    Cris
    euetudoquegosto.blogspot.com

    ResponderExcluir

Ei, estou curiosa para saber o que você achou. É só escrever aqui, clicar duas vezes, e postar... Vamos alinhavar este papo?